X
Menu

Homem acusado de atear fogo no próprio carro para receber o dinheiro do seguro tem habeas corpus negado

Homem acusado de atear fogo no próprio carro para receber o dinheiro do seguro tem habeas corpus negado

30/07/2020 / FONTE: CQCS

Na última quarta-feira (29), o CQCS noticiou que um homem de 66 anos foi preso após ser acusado de atear fogo no próprio carro para receber o dinheiro do seguro do veículo. As chamas se alastraram e atingiram pelo menos 10 mil metros quadrados de vegetação na Reserva Biológica de Araras, em Petrópolis, na Região Serrana do Rio.

De acordo com o que foi informado pelo ‘Bom dia Rio’, o suspeito fez o pedido de habeas corpus, mas a justiça negou, explicando que a prisão em flagrante apresentava fatos considerados “extremamente graves”. Essa decisão caberá, então, ao juiz da audiência de custódia, que, pelo prazo previsto em lei, pode acontecer em até 24 horas após a prisão.

Ainda de acordo com o que informou o jornal, essa é considerada a maior operação de incêndio, esse ano, na Região Serrana do Rio de Janeiro. Ontem, quarta-feira, já era o terceiro dia que os bombeiros trabalhavam para apagar as chamas na Reserva. Uma área de quase 6km² já foi devastada, o que corresponde a mais ou menos 560 campos de futebol.

You Might Also Liked

Seguradoras podem se recusar a pagar sinistro de carro particular com propaganda política Seguro-saúde é exigido em mais de 40 países Seguro rural: Volume de prêmios até agosto atingiu R$ 4,38 bilhões Susep vai criar índice de sustentabilidade verde Seguro ajuda pessoas a driblar inadimplência Quer proteger a casa e acha que seguro é caro? É menos do que você imagina Pix pode impactar o preço do seguro A era das empresas do futuro já começou?